Vida longa e próspera ao Delphi!

Tempo de leitura: 3 minutos

Algumas ferramentas parecem não envelhecer com o tempo. Mesmo após anos de sua criação e depois de ter passado por diversas reformulações. Esse é o caso do Delphi. Veio ao mundo oficialmente em 1995 e mais de 20 anos depois se manteve como uma poderosa ferramenta de desenvolvimento de software multiplataforma.

Neste texto vamos falar um pouco sobre essa ferramenta e sua história. Principalmente as suas origens e os aspectos de software que a fizeram um sistema e linguagem de desenvolvimento tão longeva. 

As origens do Delphi

O ano oficial de lançamento da ferramenta é 1995. Foi o ano em que a Borland apresentou seu sistema  de desenvolvimento de aplicações. Esse sistema utilizava como linguagem o object Pascal. Batizado de Delphi, esse sistema começou a ser desenvolvido ainda em 1993.

O principal nome por trás do projeto foi Anders Heilsberg, arquiteto chefe do projeto. Ele também é conhecido no mundo da programação por ter criado a linguagem C#, da Microsoft. Seguindo a ideia de ser um sistema inovador e com conceitos modernos, o Delphi foi um dos pioneiros a trazer tecnologias como o RAD (Rapid Application Development). Além de ser uma linguagem orientada a objetos.

Apesar de começar oficialmente em 1995, as origens do Delphi remontam às diversas versões da linguagem Pascal desenvolvidas nos anos 70, 80 e 90. Na década de 1970 foi criada a Procedure Pascal, que na década de 1980 foi aperfeiçoado e ganhou popularidade por meio do Turbo Pascal. Já nos anos 90, foi a vez do Object Pascal dar continuidade ao desenvolvimento da linguagem. Neste ano foi  criada a primeira versão do Pascal orientada a objetos.

 A partir do Object Pascal que a Borland desenvolveu o ambiente virtual chamado de Delphi. A primeira versão era focada em aplicações para windows 3.1 de 16 bits, totalmente orientada a objetos. Possuía acesso aos bancos de dados principais da época.

A partir da primeira versão seguiram-se mais de vinte releases do sistema. O atual é o Delphi 10.2 Tokyo, lançado em 22 de março de 2017 pela Embarcadero. Marca pertencente ao grupo Idera.

Ao longo dessas mais de duas décadas a utilização do Delphi passou por altos e baixos. A época de ouro da linguagem é considerada como sendo a primeira década a partir de se lançamento em 1995.

Até 2003, ano de lançamento do Delphi 8, a ferramenta foi muito popular. Uma das versões mais amadas pelos desenvolvedores foi lançada, o Delphi 7. Entre 2005 e 2006, a Borland vendeu sua divisão de ferramentas de desenvolvimento para a Embarcadero. 

Desenvolvimento e características

A versão 7 rapidamente se tornou a mais popular e desde o seu lançamento em 2002. Isto se deu pela estabilidade e baixos requisitos de hardware. Esta versão se tornou uma das IDEs de mais sucesso desenvolvidas pela Borland. 

As últimas versões do Delphi desenvolvidas pela Borland foram lançadas nos anos 2005 e 2006. A partir da aquisição da CodeGear pela Embarcadero Technologies, uma nova família de sistemas foi lançada, a família XE.

Atualmente os sistemas Delphi contam uma série de funcionalidades que foram acrescentadas desde seu lançamento em 1995. Dentre as características atuais do Delphi podemos citar:

  • Linguagem orientada a objetos
  • Compilador nativo rápido e eficiente
  • Suporte integrado aos principais bancos de dados
  • VCL: Visual Component Library. Biblioteca extremamente completa de componentes de software feita no estilo windows.
  • Desenvolvimento Mobile multiplataforma para iOS e Android
  • Desenvolvimento para aplicações em Nuvem
  • Aplicações Desktop para Windows e OSX
  • Desenvolvimento de programas de Console
  • Desenvolvimento Multithreaded, Packages e DLLs

Depois de mais de 20 de anos de sua criação, o Delphi continua firme e forte. Sua atual versão com suporte para desenvolvimento mobile multiplataforma é uma das melhores ferramentas do mercado para esse nicho.

Se você está buscando um sistema cross platform e que tenha toda a eficiência de mais de 20 anos de desenvolvimento orientado a objetos, o Delphi com certeza será a melhor opção.

E aí, com qual versão você começou a desenvolver? E o que você acha da versão atual do Delphi?

  • Wilson Porto Neto

    Comecei no Delphi 3 e atualmente estou no Delphi XE8.